Gartner Data & Analytics 2019: Análise de dados deve ser o centro da estratégia do negócio

Por Assesso em 11 de julho de 2019.

A Conferência Gartner Data & Analytics 2019, que aconteceu em São Paulo nos dias 29 e 30 de maio, reuniu empresas usuárias e fornecedoras de solução de dados para debater como as novas tecnologias e abordagens para análise de gestão de dados estão potencializando a transformação digital, gerando oportunidades de capitalização para as organizações e aprimorando a experiência do cliente. A Assesso, novamente, foi uma das patrocinadoras do evento, apresentando as novidades do seu software, o DataCare, cases e soluções.

Foram dois dias de encontros, conversas e painéis sobre temas relevantes para o setor. Tema em alta na maioria das empresas, a criação e gestão do Data Lake foi um assunto abordado em diversas palestras, seja na apresentação de casos de uso, melhores práticas e discussão de critérios para estabelecer qual a melhor solução para empresas e quando usar cada tecnologia de repositório de dados – definição que integra diversos projetos em que a Assesso atua.

Assesso na Conferência Data & Analytics 2019

Silvio Hagui, Diretor de Tecnologia da Assesso, conta que “uma palestra brilhante foi a que destacou a importância do foco nas pessoas envolvidas nos projetos, ressaltando que engajamento, comunicação e treinamento são fatores indispensáveis para obter sucesso nos projetos de implantação da governança de dados nas empresas”.

“Também destaco a palestra que abordou a necessidade de definir métricas que realmente façam a diferença, entregando valor ou contribuindo para gerar insights, produzindo ganhos concretos e mensuráveis”. Silvio Hagui completa acrescentando que “Inteligência Artificial também foi um tema bastante presente, ressaltando a possibilidade de seu uso como artifício para possibilitar o mapeamento, entendimento e processamento de grandes volumes de informações”.

“A palavra mais ouvida no evento foi Analytics”, conta Marcelo de Oliveiragerente de Soluções para Gestão de Dados da Assesso. “No passado, as empresas coletavam informações para atender às necessidades operacionais. Hoje a operação gera um volume cada vez maior de dados e temos à disposição uma fonte inesgotável de dados públicos disponíveis. O diferencial agora não é apenas a posse do dado, mas como gerenciamos, protegemos, analisamos e geramos valor para o cliente e para a organização”.

“Passamos de um momento em que as necessidades de dados eram limitadas a identificar pessoas e endereços para a entrega e faturamento de produtos, à situação atual, de extrema sofisticação, com a possibilidade de fazer ofertas cada vez mais personalizadas e exclusivas. O objetivo, entretanto, continua o mesmo: queremos criar, manter e expandir o relacionamento com nossos clientes e prospects”, ressalta Marcelo de Oliveira. E o que a Assesso oferece é o alicerce que possibilita o uso adequado de todo o potencial das informações por meio das tecnologias de Data Analytics.

Marcelo de Oliveira ressalta a evolução ocorrida desde a época em que se trabalhava com dados mínimos. “Hoje temos dados abertos das empresas. As próprias operações acabam fornecendo uma quantidade imensa de dados em diferentes níveis de complexidade, e o que confere valor às informações é justamente a organização. Atualmente se perde muito tempo procurando e integrando dados. Uma estatística recorrente no mercado ainda é verdadeira em muitas empresas: os analistas gastam de 70% a 80% do tempo buscando e preparando os dados para o seu uso. Todo este esforço pode ser drasticamente reduzido com o uso adequado das técnicas e metodologias da gestão da informação”.

Muitas empresas que investem na construção de Data Lakes enfrentam sérios problemas para efetivamente usar o dado. Seja por questão da qualidade, duplicidades, inexistência de documentação, falta de padronização ou segurança de dados. Por isso, um programa de Governança é fator decisivo para o sucesso das iniciativas de analytics, potencializando o uso da informação por parte da análise e exploração dos dados. O valor do Data Lake é derivado dos resultados efetivos que a aplicação de ciência de dados e analytics podem trazer para a empresa.

“A liberdade de armazenamento de dados é fantástica, mas não descarta a necessidade de organização e controle. Esta é a função da gestão de dados: entender e documentar os dados, classificá-los, promover o seu refinamento e a preparação para o seu consumo. Todas estas etapas são avaliadas, implementadas e aprimoradas nos projetos desenvolvidos pela Assesso”, comenta o consultor da Assesso.

Marcelo Oliveira destaca que “a Governança dos Dados é fundamental, já que é neste processo que conseguimos os insights sobre as possibilidades de uso das informações identificadas. Se os dados estiverem “podres”, se houver um vício de captação ou preenchimento, não será possível utilizá-los. Estes defeitos têm que ser resolvidos ou o cientista de dados contará com instrumentos para montar seu modelo de análise corretamente”, diz.

Gartner Data & Analytics 2019

Informação é poder: o valor de uma boa gestão de dados

DataCare, software para a Gestão da Informação e Qualidade de Dados da Assesso, oferece uma solução completa para o tratamento de dados nos mais variados formatos, reduzindo o tempo que as empresas gastariam internamente preparando-os para os times de Analytics e Data Science. “O que a Assesso oferece é o alicerce para quem trabalha com dados e investe em estratégias para potencializar o uso destas informações. A cada dia, as empresas têm mais dados disponíveis e maiores oportunidades para traduzi-los em resultado para o negócio. A governança de dados é indispensável para as empresas que usam as informações como insumo determinante para a eficiência e a longevidade dos seus negócios”, resume Marcelo de Oliveira.